Portal dos Bebês

Fonoaudiologia

Odontologia

FOB
Imprimir AumentarDiminuir

altere o tamanho do texto:

O que é a fissura labiopalatina?

A fissura labiopalatina é uma das malformações mais comuns que ocorre durante a gestação e envolve uma abertura (fenda) no lábio (lábio leporino), na gengiva ou no palato (céu da boca). Fissura implica numa abertura ou separação que pode envolver lábio, gengiva e palato. Existem bebês que nascem com fissura tanto no lábio, quanto no palato, enquanto outros podem apresentar esta condição apenas no lábio ou apenas no palato.  A fissura também pode ocorrer num lado dos lábios (unilateral) ou nos dois lados (bilateral), o que também acontece com o palato. 
 

                                              

                                              
                                                     

                                              

A fissura não é uma doença, porém é uma alteração presente no nascimento (congênita) a qual pode assustar os cuidadores, pois pode afetar a aparência do recém-nascido e comprometer algumas funções.  Em alguns bebês a fissura pode tornar a alimentação mais difícil, bem como pode ocasionar alterações audiológicas e de fala.

A fissura pode ser identificada antes do nascimento por meio do ultrassom o que permite que os pais e familiares recebam aconselhamento e orientações, para se preparem para chegada do bebê com a malformação.  Porém nem sempre a fissura é identificada no exame pré-natal.  Nos casos onde existe a fissura no lábio, o diagnóstico é feito no momento do nascimento. Quando a fissura afeta somente o palato (sem envolver lábio e gengiva) o diagnóstico é feito durante o exame pediátrico.

Para entender mais sobre a fissura labiopalatina acesse o vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=2T_5GQgIWTE



Apesar do susto, a FLP tem tratamento e os bebês que nascem com esta condição podem crescer saudáveis e felizes como os bebês sem fissura.  È importante que a condição seja tratada por uma equipe especializada com profissionais da saúde de várias áreas.  Esta equipe vai orientar pais e familiares quanto aos cuidados com o bebê com fissura, as abordagens de tratamento e o preparo do bebê para as cirurgias que são necessárias para corrigir a malformação.  Procure uma equipe próxima de sua cidade de residência, pois serão necessárias várias visitas ao centro reabilitador. 

É importante, no entanto, conhecer alguns aspectos do desenvolvimento do bebê com FLP e do tratamento desta condição. Clique aqui para saber como a fissura pode ser corrigida.

F.A.Q.
Desenvolvido por Lecom S.A.