Portal dos Bebês

Fonoaudiologia

Odontologia

FOB
Imprimir AumentarDiminuir

altere o tamanho do texto:

Os Testes

Existem duas classes de testes que podem ser utilizados na avaliação audiológica. São eles:

1. Testes Subjetivos

Os testes subjetivos são aqueles que dependem da resposta da criança. Desta forma, o estado em que seu filho se encontra no momento do teste (se está com sono, fome, assustado ou irritado) tem grande influência no resultado.
Nesses testes a resposta que a criança apresenta também é avaliada subjetivamente, visto que o avaliador é quem determina se houve ou não resposta.
Considerando esses fatores, os avaliadores devem estar muito atentos e serem sensíveis o suficiente para diferenciar respostas verdadeiras a um estímulo sonoro, daquelas que são frutos de uma coincidência ou interesse da criança apenas pela brincadeira e não pelo som.

São Eles:

- Avaliação Clínica do Comportamento Auditivo

- Audiometria com Reforço Visual (VRA)

Audiometria Lúdica
          - Testes por Via Aérea
          - Testes por Via Óssea

- Testes de Percepção de Fala


Existem diversos tipos de testes subjetivos. Em alguns deles, o registro da resposta é feito em um audiograma, enquanto outros não se utilizam desse tipo de registro.


2. Testes Objetivos

Os testes objetivos são aqueles que não dependem das respostas das crianças. Embora sejam testes objetivos, a interpretação dos resultados continua sendo subjetiva (o avaliador é quem analisa os registros obtidos e define o resultado).

São eles:

- Imitanciometria

- Potenciais Evocados Auditivos de Tronco Encefálico (PEATE)

Emissões Otoacústicas (EOA)
 
F.A.Q.
Desenvolvido por Lecom S.A.